Novembro Azul alerta para prevenção do câncer de próstata

12/11/2019

A campanha Novembro Azul é mundialmente conhecida como Movember, junção das palavras em inglês Moustache (bigode) e November (novembro). A iniciativa começou na Austrália em 2003. O mês foi escolhido porque abriga, no dia 17, o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata.

O movimento chegou ao Brasil em 2008, por iniciativa do Instituto Lado a Lado pela Vida, que chamou a campanha de Novembro Azul. O objetivo era promover a saúde do homem, incentivando-o a se consultar com um médico e, quando necessário, realizar o exame de toque. Atualmente, a data reforça a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata. 

A doença é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens brasileiros, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Em 2018, a estimativa do Inca era de que ocorressem 68.220 novos casos da doença. Em 2017, o número de óbitos em decorrência deste tipo de tumor foi de 15.391. Mais do que qualquer outro tipo, é considerado um câncer da terceira idade, já que, no mundo, cerca de 75% dos episódios ocorrem a partir dos 65 anos.

Em sua fase inicial, o câncer da próstata tem evolução silenciosa. Muitos pacientes não apresentam nenhum sintoma ou, quando apresentam, são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata (dificuldade de urinar, necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite). O diagnóstico precoce possibilita melhores resultados no tratamento.