CREMERJ cria Grupo de Trabalho sobre Atenção Domiciliar

03/04/2019


Com o aumento da judicialização da Saúde, do cuidado paliativo e do atendimento domiciliar, o CREMERJ criou o Grupo de Trabalho sobre Atenção Domiciliar, que se reuniu pela primeira vez na última segunda-feira, 1º de abril. O objetivo é promover reuniões periódicas para discutir temas, como aspectos técnicos da atenção domiciliar, recursos humanos, transição do paciente do hospital para o home care, infraestrutura domiciliar necessária para a devida assistência e documentação e gestão da informação do paciente que continua seu tratamento em casa, além da sensibilização do judiciário com o assunto.

“Estamos falando de temas que estão em alta e precisam ser debatidos. O grupo é formado por médicos e advogados e foi criado em um momento crucial”, afirmou a diretora.

Integram o Grupo de Trabalho sobre Atenção Domiciliar: a conselheira responsável Beatriz da Costa, o coordenador Haroldo Falcão, os médicos Ana Izabel Santoro, Anelise da Fonseca, Cinthia da Matta Fernandez, Daniel Alves Lima, Diego Ocariz, Elizabete de Freitas, Jeferson Granja, Luciana da Motta, Luiz Carlos Leal Prestes Junior, Luiz Eduardo Sampaio, Renato Battaglia e Valéria Alves e os advogados Lucas Laupman e Bruno Teixeira Marcelos.