Situação da saúde no Estado é debatida entre CREMERJ e Alerj

27/11/2015


O presidente do CREMERJ, Pablo Vazquez, se reuniu, nessa quarta-feira, 25, com a  deputada estadual Ana Paula Rechuan, que também é cardiologista, para debater a situação da saúde pública no Estado. Durante o encontro, que aconteceu na sede do Conselho, a deputada demonstrou interesse em discutir propostas para melhorar a assistência à população no Rio de Janeiro.

“Precisamos somar esforços para encontrar caminhos que possam amenizar os problemas atuais da saúde pública. As parcerias são fundamentais para que isso aconteça”, declarou Vazquez.

Para a parlamentar Ana Paula Rechuan, ações conjuntas com o CREMERJ podem, de fato, resultar em benefícios para a população. “Se não cobrarmos ações concretas, elas não vão acontecer. O Estado pode até estar com dificuldades de recursos, mas a saúde deve ser priorizada”, declarou.

Além disso, foram abordados no encontro temas como: a situação caótica dos hospitais federais do Rio de Janeiro, as ações de fiscalização do CREMERJ nas unidades de saúde, a crise financeira dos hospitais públicos, a terceirização da saúde.