Na Mídia - Dois médicos cariocas morrem após serem infectados com o coronavírus

O Globo Online /

06/04/2020


O cardiologista Ricardo Antonio Piacenso morreu no Hospital Ronaldo Gazzola, unidade de referência para o tratamento de covid-19

RIO - Dois médicos do Rio de Janeiro tiveram as mortes confirmadas por covid-19. Segundo o Conselho Regional de Medicina (Cremerj), o cardiologista Ricardo Antonio Piacenso morreu no Hospital Ronaldo Gazzola, unidade de referência para o tratamento de coronavírus no Rio. O Cremerj também confirmou a morte do anestesiologista José Manoel de Melo Gomes.

Piacenso é formado pela faculdade Souza Marques e há quatro meses se tornou avô de uma menina. Nas redes sociais, amigos e parentes lamentaram a sua morte e pediram para que os cariocas se mantenham em casa:

"Eu me sinto um pouco desrespeitada quando eu vejo gente se reunindo com os amigos como se nada estivesse acontecendo. Tá todo mundo com saudade dos amigos e da família, sabe? Tá todo mundo cancelando aniversário, viagem, casamento e o que for. Mas não, tem gente que se acha mais importante, o imunizadão e tá lá indo pra casa dos amigos beber, dançar, cantar e tá tudo certo. Não é momento pra isso, sabe? E seu egoísmo pode influenciar outras pessoas e infectar muitas outras.", afirmou uma familiar do médico.

Não foi informado a unidade de saúde em que José Gomes estava. Ele trabalhou no Hospital Naval Marcílio Dias e no Oeste DOr. O Cremerj lamentou a morte de ambos.