CREMERJ participa de posse da nova diretoria da Sobracil

09/02/2015


A Sociedade Brasileira de Cirurgia Minimamente Invasiva e Robótica (Sobracil) empossou a diretoria eleita para o biênio 2015/2016 durante jantar festivo realizado nessa sexta-feira, 06. O novo presidente é o cirurgião geral Carlos Eduardo Domene, eleito em setembro último e que exercia a 1ª vice-presidência da entidade na gestão anterior.

Em sua saudação à nova diretoria, o presidente do CREMERJ, Sidnei Ferreira, falou dos percalços que os médicos e a medicina vêm atravessando no Brasil.

“Temos tido muitos desafios nos últimos anos. São várias tentativas de desmerecer a nossa profissão, o ensino e a residência médica, além da importação de médicos estrangeiros, da terceirização da administração da saúde pública, dos salários irrisórios e da falta de concursos públicos, sem planos de carreiras, cargos e vencimentos”, disse. 

Apesar disso, segundo Sidnei Ferreira, a categoria se sente vitoriosa por manter a dignidade da profissão, atendendo em situações precárias, mas procurando ajudar a população. 

Um dos principais compromissos do novo presidente da Sobracil é dar continuidade às ações em andamento, em especial no campo do treinamento. A proposta mais ousada de Carlos Eduardo Domene é prestar treinamento virtual remoto, utilizando modernos recursos da tecnologia. 

“Vamos buscar a internetização da cirurgia e a digitalização do conhecimento. A ideia é dar respostas imediatas a dúvidas dos médicos, além de possibilitar o treinamento à distância, utilizando um instrumento virtual onde quer que ele esteja. Basta ter acesso ao site da Sobracil. O treinamento virtual já existe, mas é extremamente caro. A meta é oferecê-lo a custo zero aos nossos associados”, afirmou. 

Para o ex-presidente da entidade, Cláudio Crispi, um dos principais legados de sua gestão foi o inédito crescimento da entidade em sua administração. 

Carlos Eduardo Domene destacou que a razão do sucesso está na variedade de eventos nacionais e regionais realizados pela Sobracil, como na educação médica continuada, em especial o Programa Jovem Cirurgião Despertar, que mobiliza profissionais recém-formados de todo o país, com noções básicas de vídeo-cirurgia.

O evento contou com a presença da conselheira do CREMERJ Márcia Rosa de Araujo e de vários representantes de entidades médicas, como o presidente do Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC), Eládio Feitosa; e membros da Sociedade Brasileira de Cirurgia Toráxica (SBCT), Fernando Vanucci; da Sociedade Brasileira de Cirurgia Pediátrica (SBCP), Samuel Dekermacher; e da Sociedade Brasileira de Hérnia (SBH), Julio Beitter.