CREMERJ e Fifa debatem Saúde na Copa

28/04/2014



O conselheiro do CREMERJ Renato Graça se reuniu nessa quinta-feira, 17, com Michel Simoni, médico responsável pelo Comitê Local da Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014 no Rio de Janeiro. No encontro, eles debateram as questões relacionadas ao atendimento médico ao público e às delegações durante o evento.

De acordo com Michel, a empresa responsável pela assistência de Saúde em todo o país será a Unimed Brasil, que, por sua vez, vai terceirizar o atendimento nas 12 cidades-sede da Copa. No Rio, a empresa UTI Vida, que normalmente já atua no Maracanã, deverá ser a provedora dos serviços nos cinco postos e 11 ambulâncias do estádio.

"Só vamos precisar adaptar a operação aos padrões Fifa, que tem alguns critérios básicos que devem ser respeitados e que são cobrados pelo setor médico da federação", explicou Michel.

O conselheiro Renato Graça informou que, de acordo om a Resolução CFM 2012/13, todos os médicos estrangeiros das delegações que atuarem no Rio de Janeiro necessitam de inscrição temporária prévia no CREMERJ. 

Dentro do Maracanã, Michel garantiu que o público terá total assistência de atendimento e remoção. Com a orientação das centrais de regulação, os pacientes serão direcionados para o hospital determinado.
Haverá ainda, no estádio, um posto de comando com dois responsáveis médicos: um da Fifa e outro do poder público, a ser definido pelas Secretarias de Saúde; e um plano de assistência médica a múltiplas vítimas que será anexado ao plano de segurança de evacuação do estádio em caso de catástrofes.

Já os jogadores, membros da Fifa e delegações serão removidos, em caso de necessidade, para quatro hospitais: Pasteur, Quinta D´Or, Samaritano e Hospital Unimed-Rio.

Renato Graça, que é representante do CREMERJ para assuntos da Copa 2014 e das Olimpíadas 2016, ao lado de Serafim Borges, destacou a atuação do Conselho na fiscalização de grandes eventos, quando a cidade tem de conseguir atender bem tanto a população quanto os visitantes.

"Assim que a parte burocrática estiver resolvida, o CREMERJ vai fiscalizar todos os postos do Maracanã para verificar as condições de atendimento. Precisamos garantir que tudo corra bem para a população, delegações e turistas", disse.

O chefe do departamento de Registro de Pessoa Jurídica do Conselho, Carlos Melo, compareceu à reunião.