Presidente veta Revalida feito por faculdades particulares

18/12/2019

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou, hoje, 18 de dezembro, o Programa Médicos pelo Brasil, iniciativa do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

Foi vetado um item importantíssimo deste projeto, que o Novo CREMERJ vem se debatendo há tempos, com incursões em vários veículos de comunicação, sobre o chamado “Revalida Light”. Este item do projeto permitiria que faculdades particulares fizessem o exame de Revalida, o que em nossa opinião, é um escárnio à profissão de Médicos. O Novo CREMERJ, por reiteradas vezes, se posicionou contra todo este posicionamento, por meio de seu Presidente, Sylvio Provenzano e nosso Representante em Brasília, no CFM, Raphael Câmara! Inúmeras reportagens, reuniões foram feitas mostrando que este seria um tiro no pé da profissão. Revalida, sim. Mas, com cunho oficial, feito pelas Universidades Públicas!

Esta é uma vitória do Novo CREMERJ, do CFM e de todos os CRMs do Brasil. Mas, não podemos nos acomodar, pois temos que pressionar os deputados e senadores a não mudarem estas linhas do projeto, hoje, sancionado pela Presidência da República.

Médico (a), faça valer seu direito, extensivo a outros, legalmente aprovados pelo Revalida, ligue, escreva para o seu deputado e seu senador para tornarmos tudo isto verdade absoluta.

Vale lembrar que o Presidente do CFM, Mauro Ribeiro, estava presente no ato, junto com o Ministro e o Presidente Jair Bolsonaro, teve uma participação importante no processo.