CREMERJ estreita parceria com a Vigilância Sanitária do Rio

27/03/2019


O CREMERJ vai estreitar parceria com a Vigilância Sanitária do município do Rio de Janeiro para apoiar a divulgação de informações sobre prazos de licenciamento sanitário de consultórios e clínicas médicas, abrangendo instalações de pessoas físicas e jurídicas. Nesta terça-feira (27), o presidente do CREMERJ, Sylvio Provenzano, recebeu o superintendente de Informação, Inovação, Projeto, Pesquisa e Educação da Vigilância, Flávio Augusto Graça.

O licenciamento sanitário pode ser feito online pelo Sistema de Informação em Vigilância Sanitária (Sisvisa) acessado pelo Carioca Digital no portal da Prefeitura. Todos os estabelecimentos terão de se licenciar ainda em 2019, e o prazo começa em 1º de abril e vai até 30 de abril (no caso de estabelecimentos de pessoas jurídicas e 30 de maio para pessoas físicas).

O presidente do CREMERJ, Sylvio Provenzano, afirmou que “o CREMERJ sempre está disponível para ser um disseminador de informação. É muito importante que os médicos saibam como emitir o alvará da Vigilância, para que seus consultórios funcionem dentro da legalidade”.

Segundo Flávio Graça, “o licenciamento sanitário é importante para as ações estratégicas da Vigilância”. “Com esse cadastramento, é possível delinear nossas formas de atuação, porque passamos a conhecer as atividades de cada estabelecimento”, afirmou.

O Código Sanitário foi aprovado em dezembro de 2018, na Câmara Municipal. O documento é um compilado de todas as portarias e decretos existentes e começa a valer em 1º de abril. A Vigilância também fornece cursos presenciais gratuitos sobre o tema. A agenda dos eventos é disponibilizada em nosso site”, disse Graça.

Também participaram do encontro o tesoureiro do CREMERJ, Flavio Antonio de Sá, a gerente da Superintendência de Informação, Inovação, Projeto, Pesquisa e Educação, Simone Braga e a assessora da presidência do CREMERJ Regina Ferraz.