CREMERJ repudia atos de violência contra médicos

16/07/2018


O CREMERJ repudia qualquer tipo de agressão contra médicos e profissionais de saúde. É inaceitável que os médicos passem por situações de violência dentro de seu ambiente de trabalho, como a pediatra Lyse Soares – que foi agredida durante seu plantão, em Niterói, no mês de abril.

Na mesma semana que o fato ocorreu, a pediatra foi recebida pelas presidências do CREMERJ e da Soperj, com a presença da assessoria jurídica. As medidas que foram tomadas sobre o caso estão de acordo com as solicitações da médica.

O CREMERJ reforça que a sua assessoria jurídica está disponível para auxiliar os médicos em situações semelhantes.