Congresso da Soperj reúne especialistas de todo país no RJ

21/10/2016


O conselheiro Sidnei Ferreira representou o CREMERJ e o Conselho Federal de Medicina (CFM) no XII Consoperj, congresso realizado pela Sociedade de Pediatria do Estado do Rio de Janeiro (Soperj), que aconteceu nos dias 10 e 12, no Centro de Convenções Sul-América. O evento teve como tema central “Emergências” e reuniu pediatras e outros especialistas, que participaram de conferências, mesas redondas, painéis e fóruns.

A presidente da Soperj, Isabel Rey Madeira, abriu o evento falando sobre a importância de reunir pediatras de todo o Brasil para discutir os assuntos que fazem parte do dia a dia de seus trabalhos e também para atualização.  “Aqui é a oportunidade que os pediatras têm para se atualizar sobre os assuntos discutidos, observando sempre as necessidades das demandas dos municípios e do estado, não só na rede pública, mas também na saúde suplementar”, observou.

Durante o evento, teve ainda o lançamento da Campanha #Eupediatra - Cuidando do Futuro do Brasil. Sidnei Ferreira, que também é secretário-geral da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), declarou em seu discurso que a iniciativa representa o resgate do orgulho que todos têm de serem pediatras. Ele garantiu que a SBP está trabalhando efetivamente para que todas as instâncias governamentais possam “ouvir a voz dos pediatras” em relação às políticas públicas e privadas voltadas às crianças e aos adolescentes e sua família.

“O pediatra é o especialista capacitado para atender a esse grupo que já chega a quase um quarto da população brasileira. Quando você cuida de uma criança, você cuida do futuro de uma nação. E é isso que nós, pediatras, fazemos no dia a dia”, declarou.

A programação científica do congresso contou com conferências sobre Zika, febre, atendimento do adolescente vítima de violência na emergência, tuberculose, choque séptico pediátrico, hemorragia digestiva, bronquiolite, reanimação neonatal, câncer, doenças sexualmente transmissíveis na adolescência, além de outras. As mesas-redondas abordaram os temas dor, sexo, drogas e abusos de medicamentos, aleitamento materno, pneumonias e saúde mental. O evento ainda contou com debates sobre ética e valorização profissional.

A mesa de abertura também foi composta pela presidente da comissão científica do Consoperj, Katia Telles Nogueira; pelo 2º vice-presidente da SBP, Edson Ferreira Liberal e por Sergio Gama, representando o secretário estadual de Saúde.