RJ está em alerta para casos de síndrome exantemática

01/12/2015


A Secretaria de Estado de Saúde (SES) publicou no dia 18 de novembro, no Diário Oficial do Estado, a Resolução nº 1.296, que estabelece a notificação compulsória imediata de gestantes com síndrome exantemática.  As notificações devem ser feitas em até 24 horas, independentemente da idade gestacional. O aviso deve ser feito via formulário eletrônico nos sites da Formsus e do Rio Com Saúde ou por e-mail ou por telefone. 

Este mês, o Ministério da Saúde decretou estado de Emergência de Saúde Pública no país e investiga uma possível correlação do Zika vírus com o aumento dos casos de microcefalia em recém-nascidos no país.  Em alguns registros investigados em Estados da região Nordeste havia relato de exantema na gestação. A ocorrência desses casos em grávidas pode estar associada a diversas condições clínicas, incluindo doenças infecciosas. 

A necessidade de estabelecer um protocolo de vigilância tem como objetivo adotar eventuais medidas de prevenção e controle. Até o último 21 foram notificados 739 casos suspeitos de microcefalia, identificados em 160 municípios de nove estados do Brasil, de acordo com a segunda edição do informe epidemiológico sobre microcefalia, divulgado nessa terça-feira, 24, pelo Ministério da Saúde. 
 
Como fazer a notificação:  
Site Formsus: http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=23642
Site Rio Com Saúde: www.riocomsaude.com.br/exantema
Email: notifica@saude.rj.gov.br
Telefones:  (21) 2333-3993 / 2333-3996 / 98596-6553