CREMERJ adere ao Outubro Rosa e ilumina a sua fachada

15/10/2014


Participando do Outubro Rosa, o CREMERJ iluminou a sua fachada de cor de rosa durante este mês para declarar o seu apoio à campanha, que tem o objetivo de alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama.
 
O movimento, que teve início em 1990 com a Corrida pela Cura em Nova York, ocorre, atualmente, em vários lugares do mundo.
 
Atuante na luta da mulher, o CREMERJ foi pioneiro, em 1994, através da sua Câmara Técnica de Cirurgia Plástica, na elaboração de um parecer que estabelecia a reconstrução da mama em pacientes que tinham sido mastectomizadas. 
 
O parecer, que recebeu aprovação do Conselho Federal de Medicina (CFM), posteriormente, subsidiou a elaboração da lei de autoria da deputada mineira Maria Elvira Ferreira, que garantia às mulheres mastectomizadas o direito à cirurgia plástica reconstrutora pelo SUS.
 
Já em 2001, a deputada Jandira Feghali aprimorou a lei anterior, obrigando os seguros de saúde a também atender às pacientes.
 
“O CREMERJ apoia totalmente a campanha e parabeniza a todos que a aderiram de alguma forma. A prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de mama ainda são os melhores meios de proteger a mulher contra as consequências desse mal, por isso aderimos ao Outubro Rosa como forma de conscientização não só das mulheres, mas da sociedade”, declarou o presidente do CREMERJ, Sidnei Ferreira.