CREMERJ participa de solenidade de colação de grau na Unirio

17/07/2014


O presidente do CREMERJ, Sidnei Ferreira, participou da solenidade de colação de grau de 86 formandos da Escola de Medicina e Cirurgia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), realizada nessa segunda-feira, 14, no anfiteatro do Hospital Gaffrée e Guinle.

A mesa que dirigiu a solenidade foi composta pelo reitor da Unirio, Luiz Pedro Jutuca; pelo diretor da Faculdade de Medicina, Agostinho Ascenção; pela coordenadora do curso, Maria Marta Tortori; pelo paraninfo da turma, Hélton José Celta; pelo patrono, Carlos Alberto Basílio; além de Sidnei Ferreira.

“O objetivo principal do médico é cuidar dos seus pacientes. Mas é importante que vocês também cuidem de si física e mentalmente para que, assim, possam cuidar bem daqueles que os procurarem. É preciso que vocês defendam a graduação e a medicina de qualidade, o atendimento digno à população e um Sistema Único de Saúde de qualidade”, frisou Sidnei Ferreira.

Ele criticou a abertura indiscriminada de faculdades, lembrando que as escolas médicas não fixam os profissionais, e sim a residência médica. Sob aplausos, Sidnei Ferreira também defendeu a autonomia universitária.

“Defendam a ética, salários dignos, concurso público, condições dignas de trabalho e um plano de cargos, carreira e vencimentos compatível com as nossas responsabilidades e conhecimentos. Defendam a autonomia universitária. Esta faculdade tem 102 anos e este hospital 80 anos. Não podemos admitir que aventureiros cheguem e tomem conta do que foi construído por nós e por aqueles que nos antecederam. Defendam as nossas universidades”, ressaltou.

Para a formanda Juliana Nunes, a cerimônia sacramentou um sonho: "Tenho um amor muito grande pela profissão que escolhi e espero exercer bem a medicina, aplicando tudo que aprendi aqui. Nós, médicos, estamos sempre dispostos a ajudar o próximo e agora posso fazer isso na área que escolhi".