CREMERJ se reúne com peritos do município

16/04/2014


Representantes dos médicos peritos do município Rio de Janeiro se reuniram nessa segunda-feira, 14, com a diretoria do CREMERJ para pedir apoio ao movimento de planos de cargos e salários da categoria. Os médicos, que eram vinculados à Secretaria de Saúde, passaram, em 2008, a ser ligados à Secretaria Municipal de Administração, atuando em perícias médicas dos servidores. Agora, eles reivindicam melhor piso salarial e plano de carreira.
 
"Nos últimos meses, estamos fazendo várias reuniões para demonstrarmos nossa insatisfação e chegarmos a um consenso e reverter essa situação salarial. Nós nunca fomos consultados pela Secretaria sobre o que desejaríamos no plano de cargos. Hoje, estamos equiparados a um administrador. Não somos reconhecidos como médicos", explicou a médica Nancy Ferreira.
 
Durante a reunião, o grupo informou que fará uma assembleia no dia 28 de abril, onde serão discutidos os problemas dos peritos do município e quais rumos o movimento irá tomar. Uma das saídas pode ser a greve da categoria.
 
O presidente do CREMERJ, Sidnei Ferreira, garantiu ajuda aos peritos e disponibilizou, ainda, total apoio do setor jurídico para orientar o grupo.
 
"O grupo tem o apoio do Conselho porque é um movimento justo e ético. A luta é a mesma de todos os médicos: concurso público com salários dignos, reajustes para a categoria e melhores condições de trabalho.", disse Sidnei.
 
Estiveram ainda presentes no encontro os diretores do CREMERJ Pablo Vazquez, Gil Simões e Carlos Enaldo de Araujo, além de médicos peritos da Secretaria Municipal de Administração.