Seccional de Volta Redonda promove fórum de pediatria

06/09/2013


A seccional de Volta Redonda do CREMERJ promoveu nesse sábado, 31, o curso de educação médica continuada em pediatria. O evento, que aconteceu no auditório do anexo UniFoa, reuniu médicos  e acadêmicos de medicina. Os temas abordados – sugeridos pelos médicos da região – foram: tuberculose, câncer na infância, bronquiolite e febre no lactente.

Na ocasião, Fernando Werneck apresentou a palestra “Urgências Onco-Hematológicas”; Daniela Paiva falou sobre “Bronquiolite - Conduta Atual”; Sidnei Ferreira palestrou sobre “Conduta nos Contactantes de Tuberculose”; e Gil Simões falou sobre “Abordagem do Lactante Febril”.

Em sua participação, o conselheiro e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Sidnei Ferreira, destacou a importância do fórum para a comunidade médica.

“O Rio de Janeiro é o estado com maior incidência de tuberculose do país. Já a febre em crianças pequenas, apesar de, na maioria das vezes, ser uma virose sem complicações, pode indicar uma patologia grave, e é preciso saber diferenciar os casos. A bronquiolite pode agravar quadros em pacientes com doenças crônicas. Quanto ao câncer na infância, o diagnóstico precoce aumenta as chances de cura. Sendo assim, todos os temas são fundamentais e merecem a nossa discussão”, declarou.

Para o coordenador da seccional de Volta Redonda, Olavo Marassi, a participação dos médicos na escolha dos temas fez toda a diferença.

“Nossa programação foi baseada nos assuntos que os colegas escolheram. Além disso, o movimento médico tem crescido fortemente em Volta Redonda e o CREMERJ tem acompanhado e estimulado essa ação. A adesão aos cursos também tem aumentado, o que prova que o conteúdo tem sido de boa qualidade”, disse.

O evento foi encerrado com um debate que contou com a participação da plateia.