ANS diz que divulgará índices de reajuste no início de julho

28/06/2013


Representantes do CREMERJ se reuniram nesta quinta-feira, 27, com o diretor-presidente da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), André Longo, para saber o porquê de, até o momento, o órgão regulador não ter divulgado os índices de reajuste para este ano, além de outros assuntos relacionados à saúde suplementar.

A ANS, por sua vez, justificou que ainda está no prazo e disse que esses dados serão divulgados no início do mês de julho.

O CREMERJ também falou sobre a recusa de algumas operadoras em negociar com o movimento dos convênios, usando como justificativa o atraso na divulgação dos índices da ANS, como é o caso da Bradesco Saúde.

"Nossos índices não interferem na negociação com os planos de saúde. Não entendi por que eles argumentaram isso com vocês. Mas afirmo que, nas primeiras semanas de julho, divulgaremos esses números", garantiu Longo.

O CREMERJ criticou, ainda, a quantidade de tabelas que precifica os procedimentos médicos, que, ao todo, são cerca de nove, e defendeu implantação da 5ª edição da Classificação Brasileira de Honorários e Procedimentos Médicos (CBHPM).

Em resposta, André Longo destacou que é prioridade da ANS que vigore no setor a hierarquização e a contratualização dos procedimentos. Segundo ele, já existe uma minuta sobre o assunto, que, inclusive, será enviada para a avaliação do CREMERJ. Modelos de governança também foram debatidos durante a reunião.

O diretor de Desenvolvimento Setorial da ANS, Bruno Sobral, participou do encontro.