Clipping - Cremerj aciona estado na Justiça Federal por salários

O Dia /

18/07/2020


Ação quer determinar que o governo do Rio se responsabilize pelos pagamentos atrasados de OSs

O Conselho Regional de Medicina do Rio (Cremerj) acionou a Justiça Federal, ontem, para cobrar do estado os salários atrasados dos profissionais contratados por organizações sociais. De acordo com a ação, o estado deve se responsabilizar pelo rendimento dos profissionais na linha de frente contra a covid.

“Não há tempo ou espaço para discricionariedade da administração pública, quando estamos falando de vida. Seja pelo caráter alimentar dos salários, que garantem a subsistência dos médicos e de suas famílias, seja pela necessária continuidade da prestação do serviço público, mormente quanto à garantia constitucional do direito social à saúde”, diz o documento enviado à Justiça Federal.

A ação do Cremerj acontece um dia após o governador Wilson Witzel anunciar projeto de lei que visa garantir a remuneração dos profissionais contratados pelas OSs. A ação começa a ser discutida pelos deputados na terça-feira, mas só deve ser votada na semana seguinte. Até lá, os profissionais da Saúde seguem aguardando.

Segundo o Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro (SinMed-RJ).as organizações com mais atrasos são labas, Gnosis, Instituto Diva Alves do Brasil (Idab) e OZZ.